Segmentação de rede: confira os benefícios e principais cuidados

Você já pensou em investir na segmentação de rede na sua empresa? Essa estratégia de gestão tem um papel-chave para os processos de gerenciamento desse tipo de recurso. Além de dar mais segurança para os usuários, torna a distribuição dos recursos mais robusta e prática.

Se você quer saber mais sobre a segmentação de rede, confira o texto a seguir!

O que é a segmentação de rede?

A segmentação de rede é um processo de gestão em que há a criação de subdivisões do ambiente de rede. Esse processo se dá com o direcionamento de faixas de IPs para grupos específicos de usuários. Desse modo, o uso da rede se torna mais controlado e eficaz.

Como a segmentação de rede funciona?

A segmentação de rede pode feita em equipamentos como roteadores, switches e firewalls. Todo o processo é feito diretamente nas configurações dos dispositivos. Executado corretamente, não só aumenta a performance da rede, mas também amplia o nível de confiabilidade das operações de envio e recebimento de dados.

Em outras palavras, a segmentação funciona com a criação de divisões da rede em VLANs (sigla para Virtual Local Area Network, ou Rede Local Virtual, em uma tradução livre). Uma empresa pode ter várias divisões internas. Todas elas operarão dentro da mesma infraestrutura, mas com aplicativos se comunicando apenas com os recursos que fazem parte da VLAN em que estão inseridos.

Por que segmentar a sua rede?

A criação de uma política de segmentação de rede deve fazer parte dos processos de gerenciamento de rede de qualquer empresa. Com eles, o negócio pode mitigar riscos, evitar problemas na administração dos recursos e garantir que os fluxos de informação ocorram de um modo mais inteligente. Veja a seguir os três principais motivos para qualquer organização fazer essa escolha!

Mais proteção para servidores

Com a segmentação de rede, os servidores internos podem ser protegidos contra ataques externos de modo mais abrangente. Afinal, se uma conta de usuário for comprometida, ela terá acesso a poucos recursos de alto valor agregado. Assim, vazamentos e qualquer outro tipo de problema de segurança terão um impacto menor.

Gestão de recursos mais simples

Adotar a segmentação de rede também torna a gestão e manutenção dos recursos mais simples. Se uma regra de controle for modificada, por exemplo, a sua aplicação apenas a uma área será feita com menos cliques. O mesmo vale para o monitoramento, que terá dados mais precisos para as rotinas de otimização.

Divisão dos recursos mais robusta

A divisão de recursos entre os usuários é um passo básico para garantir uma boa performance da rede. Ela permite que a sua companhia dê a todos o que for necessário para executar as suas operações diárias. Assim, gargalos serão muito mais fáceis de serem evitados.

A gestão de redes deve sempre ser moldada para entregar a todos os usuários a melhor conexão possível. Nesse contexto, a segmentação de rede deve ser vista como um passo crítico. Com ela, riscos e problemas de performance são evitados com muito menos dificuldade.

Portanto, não deixe de investir nessa estratégia para garantir alta performance para a sua equipe. Com uma segmentação de rede eficaz, os recursos serão integrados a mais lugares, garantindo o máximo de competitividade para o seu negócio!

Uma solução de TI fundamental para tornar a sua rede mais robusta é o firewall. Veja em nosso blog como essa ferramenta de segurança de dados pode tornar a sua infraestrutura mais confiável!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *